Terça-feira, 29 de Abril de 2008

(...)

Tenho uma leve sensação de alívio. Apesar de o teste intermédio de matemática ter passado, e bem, tenho mais dois para a semana, mais dois trabalhos, mais um projecto a desenvolver.

Ontem disse à professora de matemática que a matéria de 12º é mais fácil. Ela disse que a matéria é igual em dificuldade, mas a nossa maturidade é que é superior. Realmente, este ano eu definitivamente acordei para a vida.


Eu estou farta deste tempo, está uma pessoa a pôr as camisolas de verão mais a jeito e no dia seguinte chove.

sinto-me: não sinto nada
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 13:36

link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
Sábado, 26 de Abril de 2008

Ouvidos Viciados

Ouvir uma música antes de deitar e acordar com ela, e passar o dia todo com ela na cabeça. Isto já dura há 3 dias.
Tenho sorte, gosto da música.

Os Azeitonas, um excelente grupo. Mas que não passa na Comercial, que perde com isso.


Hoje parece Domingo, e ontem parecia Sábado. Estes feriados trocam-me toda.
música: "Um tanto ou quanto atarantado" - Os Azeitonas
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 14:12

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Sexta-feira, 25 de Abril de 2008

25 de Abril

Hoje o nosso Presidente da República falou da ignorância dos jovens relativamente ao 25 de Abril, e mencionou que muitos dos jovens não sabiam o nome do primeiro Presidente da República após a revolução.
Por acaso não sabia que tinha sido Ramalho Eanes o primeiro Presidente da Rebública eleito democraticamente, mas também não me considero ignorante nesse assunto.
Confesso que aquilo que sei sobre a ditadura e a revolução de 1974, vi na televisão, li em revistas ou na internet, e aprendi agora ao estudar a obra "Felizmente Há Luar". A disciplina de História não foi eficaz, ou talvez a professora do 9ºano.
Pelo menos existe a série "Conta.me como foi".

publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 14:06

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 21 de Abril de 2008

Aplica-te

Quero ser atingida por um raio que me provoque uma incontrolável vontade de estudar, ler e fazer trabalhos. Um raio com características semelhantes às da seta do cupido.
sinto-me: preguiçosa
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 14:53

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Quarta-feira, 16 de Abril de 2008

(L)

O sol brilha, não por muito tempo, as escassas nuvens, às quais o vento se encarrega de juntar mais, bem características do início do Outono retiram luminosidade ao dia, mas não ao momento. O fresco agradável é uma oportunidade ao contacto físico, desejado e tímido. Ambos conhecem os respectivos pensamentos, numa certeza que provoca ansiedade. Procuram mais do que um mero contacto de braços concretizado num abraço.
Na pele seca pela exaustiva exposição solar deslizam as gotas das nuvens que crescem, e a árvore cuja sombra nos protege quando o calor nos desfaz em água é agora procurada como abrigo à outra água.
Aquele jardim comum de passeios pela tarde transformou-se num lugar idílico, onde o coração bate intensamente fazendo a aceleração do sangue nas veias crescente, a atracção não resiste e onde surge o beijo esperado no momento inesperado.
Porque há momentos na nossa vida que davam um filme.

 


sinto-me: lamechas
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 10:54

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Segunda-feira, 14 de Abril de 2008

Fui desafiada

Os desafios dão sempre jeito quando não temos nada para escrever, por isso eu adiro.

A conchinha mandou-me um desafio que aprecio, porque se há coisa fácil para mim é enumerar as coisas que não gosto ou não me dizem nada.

Regras:
1 - colocar o link da pessoa que nos "marcou";
2 - colocar as regras no blog;
3 - partilhar seis coisas sem importância para nós;
4 - marcar seis pessoas no final;
5 - avisar essas pessoas deixando um comentário nos seus blogs-
Coisas sem importância:
1- Clones, o que cada vez é mais comum entre a gente. O querer ser diferente mas enveredar pelo caminho de todos os outros

2- As tendências, normalmente compro o que gosto e me assenta bem

3- Etnias, cada um segue os padrões culturais da sua sociedade por isso temos de respeitar os outros e a suas culturas

4- Superstições

5- Fúteis

6- Aqueles e-mail irritantes de "se não reencaminhares vais morrer"

 

 

O outro desafio foi enviado pelo Mário Rodrigues.


Qualidade: sinceridade

Defeito : frontalidade (quando sou mais severa)

Gostas : das pequenas coisas, pormenores, gestos

Detestas : gente influenciável e desinteressante

Não passas sem: mimos

Pessoas : que consigam ter conversas sérias e conversas de nada

Família: óptima para um almoço ou jantar que acaba num serão com gente a cantar, dançar, contar histórias

Homem: o meu

Mulher: longe do meu homem

Sorriso : forma de comunicar

Perfume : café café

Carro : ainda não tenho carta, por isso um que me dê boleia

Paixão: estar com os meus

Sexo: agradeço o facto de os meus pais o fazarem, e aqui estou eu

Amor : preenche e faz-me feliz

Olhos :  também uma forma de comunicar

Sol: luz, vida

Chuva: em casa bem quentinha

Mar: nadar e sabor a sal na pele

Livro(s): Queimada viva, Onze minutos, Um momento inesquecível

Filme(s): Le fabuleux destin d'Amelie Poulain, Mar Adentro
A Walk to Remembar, Volver

Musica(s): "Postal dos Correios", "No siento penas" e quase todas do Juanes

Dinheiro: fonte de sobrevivência

Animal: gosto de todos, mas nada de afinidades, só alguns cães

Silencio: o do meu quarto

Solidão: dou-a a quem quiser, duvido que alguém a queira

Flor: margaridas, ou pequenas roubadas de um jardim

Sinceridade: adoptem-na

Sonho(s): ser reconhecida pelo meu esforço e trabalho, ter a pessoa ideal à minha beira e fazer filhos (é para isso que tenho o aparelho reprodutor)

Cidade(s): Porto para trabalhar, Bragança para descansar

País: gosto da cultura do meu, pena que nem todos gostem e não a sigam

Não vives sem - amor

Nunca deixas de: criticar para melhorar

 

Há quem já tenho aceitado um ou outro dasafio por isso desafio para os dois:
Mário Rodrigues
Leuviah
Angela Soeiro
A mais pequena
Trupas
Cerejinha azul

e a conchinha também


tags:
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 14:01

link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
Domingo, 13 de Abril de 2008

Astrologia

Ontem estive atenta ao programa "A voz do cidadão" da RTP, em que o Provedor do Telespectador, dá voz às nossas críticas em relação à televisão pública. Falou-se da presença de astrólogos nos programas da estação e se será correcto visto a astrologia não ser considerada uma ciência.
Não tenho por hábito consultar o meu horóscopo, a não ser o da teletexto da RTP porque tem sugestões do mês engraçadas, ou se me aparecer "em frente ao nariz".
Se acredito? Sim e não. Por vezes pego nas revistas antigas e leio o horóscopo, ou do mês ou a previsão para todo o ano, coincidência ou não já muitas coisas aconteceram. Mas custa-me acreditar como é possível que a posição dos astros no dia em que nascemos possa influenciar na nossa vida e nas nossas decisões.
Quanto à existência de astrólogos nos programas, sou indiferente, há pessoas que acreditam e por vezes a previsão contribui para que encarem os problemas com mais confiança.
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 19:01

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Sexta-feira, 11 de Abril de 2008

Ser do F.C.P.



A essência de ser tripeiro
tags:
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 12:55

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Quinta-feira, 10 de Abril de 2008

:)

Estou com a sensação agradável de gostar de alguém e de esse alguém gostar de mim. tenho vontade que todos só de olhar para mim vejam que estou feliz e me invejem por ter encontrado aquele a quem vulgarmente se chama cara-metade ou alma gémea, mas nós que amamos sabemos que não dá para nomear.
És a minha pessoa, cujo simples toque me aconchega e o abraço é o embalo perfeito.
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 19:54

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 9 de Abril de 2008

Turismo Infinito

Ontem fui ao Teatro Nacional de São João ver a peça "Turismo Infinito", uma viagem ao mundo de Fernando Pessoa.
As personagens são Fernando Pessoa, os heterónimos Álvaro de Campos e Alberto Caeiro, o semi-heterónimo Bernardo Soares e Ofélia Queirós (Ofélinha, ou bebé).
O protagonista é Álvaro de Campos interpretado por João Reis, sem dúvida uma excelente interpretação do heterónimo mais complexo e meu predilecto.
O cenário é maravilhoso, simples mas imponente.
A crítica, falta de interacção entre as personagens, a peça é composta essencialmente por vários monólogos.
O melhor é reconhecermos os versos e dizê-los ao mesmo tempo.




 
publicado por aminhavidanaodavaumfilme às 10:16

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Toalha à cabeça

. Eu sou aquele

. Caloira

. Toe Jam

. Que se foda a Kitty

. ...

. Previously......

. Smelly Cat

. Os resultados

. S. João

.arquivos

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. SERÁ DAS COSTURAS?

. GOSTAS DELA UMA PORRA

. O CARLOS CRUZ GOSTAVA DE ...

. É SALTAR PRÁ CUECA!!!!

. CHAVEZ PROIBE A EXIBIçÃO ...

. Às minhas caras amigas pi...

. Dá ao "Socras" o que ele ...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds